"Quem não se movimenta, não sente as correntes que o prendem"

(Rosa Luxemburgo)








Enquete

Você está em: Home > Notícias > INFORMES SOBRE A FUNDAÇÃO HOSPITALAR DE SAÚDE DE SERGIPE

INFORMES SOBRE A FUNDAÇÃO HOSPITALAR DE SAÚDE DE SERGIPE

ALTERA O
TAMANHO DA LETRA





PAGAMENTO DE FERIADOS: lembramos aos assistentes sociais que observem rigorosamente se a Fundação Hospitalar de Saúde de Sergipe vem pagando os feriados trabalhados, pois muitos profissionais não desenvolveram a prática de conferir seus contracheques e podem deixar escapar direitos conquistados pela classe trabalhadora a duras penas. De acordo com a Súmula Nº 146 do TST "trabalho prestado em domingos e feriados, não compensado, deve ser pago em dobro, sem prejuízo da remuneração relativa ao repouso semanal". Portanto, fiquem de olho e se constatarem irregularidades, façam um requerimento solicitando o pagamento. Salientamos também que o horário do feriado começa a ser computado a partir da 00h, por isso os assistentes sociais que laboram à noite devem reivindicá -lo quando forem escalados no dia anterior ao feriado.



13º SALÁRIO: Alguns assistentes sociais perceberam uma diferença dos valores correspondentes à primeira parcela do abono natalino em comparação com os valores creditados no ano passado. A FHS reconhece o equívoco e garante que fará a correção na segunda parcela, por isso resgate seu contracheque de dezembro/11 e fique vigilante. A importância paga ao empregado a título de primeira parcela será deduzida do valor da segunda parcela do 13o a ser pago até 20/dezembro.



SALÁRIO DE NOVEMBRO/12: alguns assistentes sociais perceberam que o salário pago em novembro/12 foi inferior à média recebida nos meses anteriores. A FHS nega qualquer equívoco para a nossa categoria. Porém, se persistirem dúvidas, recomendamos que o assistente social solicite na própria FHS uma cópia do holerite, considerando que o mesmo ainda não esta disponível virtualmente, e faça as comparações, se constatar irregularidades, procure as vias administrativas para solucioná-las e quando estas não lograrem êxito, entre em contato com o SINDASSE através do email sindasse@hotmail.com;



APROVAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO DO PER (Plano de Empregos e Remuneração): Desde meados de abril que o SINDASSE adquiriu assento legal e legítimo na Mesa de Negociação Permanente do SUS, após apresentação do conjunto de documentos exigidos para nosso credenciamento junto à Secretaria de Estado da Saúde. Para composição da Mesa, foram designados os seguintes dirigentes do SINDASSE: Rosely Anacleto (Presidenta/ titular) e Anselmo Menezes (Primeiro Secretário/ Suplente). Desde então o SINDASSE tem 100% de presença no acompanhamento dos trabalhos. Todavia enquanto o Movimento Unificado dos Sindicatos da Saúde aguardavam ansiosos o momento para homologação do PER (Plano de Emprego e Remuneração) na SRT (e na sequencia elaboração do PCCV, destinado aos trabalhadores estatutários), fomos surpreendidos mais uma vez com a manobra de alternância cíclica de gestores da Pasta, resultando no acúmulo de frustrações e retrocesso das negociações já pacificadas pelo sindicalistas. E não satisfeitos, os responsáveis pelo projeto da 'Reforma Sanitária do estado de Sergipe', ainda acenam com uma intervenção ética, utilizando a figura dos trabalhadores como bode expiatório para justificar a falência de um modelo de gestão esgotado e confuso desde seu nascedouro. Face ao exposto, o Movimento Unificado dos Sindicatos da Saúde (composto pelo SINDASSE, SINODONTO, SINDIMED, SINPSI, SEESE, SINTRAFA, SINTASA, SINDIFARMA e Sindicato 192) protocolou um ofício nesta sexta-feira (07/12), solicitando ao Exmo. Sr. Governador Marcelo Deda nomeação de um novo secretário para a Pasta da Saúde e resolutividade no avanço das negociações, dentro de um prazo limite de sete dias.

Veja Também


» Deixe um comentário


Del.icio.us Digg Stumble Google
Windows Live Favoritos Página Inicial Imprimir
FaceBook Twitter